Quarta-feira, 7 de Maio de 2008

para esclarecer algumas duvidas (poema)

Vêem-se coisas

Onde elas não existem

Por mais que se fale

As pessoas insistem

 

Tornam realidade

Algo impossível

Nunca o será

Falta o imprescindível

 

Falta amor de parte a parte

Falta paixão

É mesmo só amizade

Sem hipótese de evolução
publicado por Missy às 19:21
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. ...

. Musica

. de volta ás origens...

. A pensar em todos aqueles...

. poema para a nha gildinha...

. Desejos

. ...

. POEMA:Não há poços sem fu...

. para esclarecer algumas d...

. POEMA: Definições

.arquivos

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub